quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Minudências (30)

Bizantinices
Não tenho a certeza se o deputado José Manuel Coelho, que integra a Assembleia Legislativa da Madeira pelo Partido da Nova Democracia, tem razão nas observações que fez sobre os homens do PSD regional quanto à forma de relacionamento com os outros, com os opositores políticos. Mas sei que o gesto de lhes chamar "nazi-fascistas" e de coroar o atributo com o desfraldar da bandeira nazi em plena sessão não tem justificação, quer pelo que o qualificativo implica, quer pelo acto propagandístico associado à exibição do símbolo. Para esquecer. E também para lembrar que a política só vale quando é um gesto de nobreza. Lamentável!

2 comentários:

Anónimo disse...

Lamentável mesmo!
Lamentável este acontecimento e lamentável que cada vez menos se valorize esse «gesto de nobreza» que é dar à coisa pública, o que de melhor temos em nós.
MCT

João Vassalo disse...

Igualmente lamentável impedirem a sua entrada na Assembleia para a qual foi eleito;
Igaulmente lamentável ter uma atitude semelhante à que o Alberto Jardim teve várias vezes ao chamar fascistas aos deputados;
Igualmente lamentável o facto de naquela A.Regional,ao estilo sulamericano, não se respeitar a democracia.
Tudo lamentável...tal como por cá.

João Vassalo